Página inicial

 Página inicial

 Álbum de Fotos

 Agapornis

 Calopsitas

 Papagaios

 Cuidados gerais

 Cortando asas e unhas

 Devo ter um pássaro?

 Direitos dos animais

 Plantas para pássaros

 Ecologia

 Mapa do site

 Histórias reais

 Aves no Antigo Egito

 Aves e a arte

 Aves de São Paulo

 Nossos mascotes

 Campanhas/Banners

 Links

 Nossos Artigos

 Matérias

 Ser Vegetariano

 Proteção Animal

 Escreva-nos!

Criando Papagaios, Calopsitas e Agapornis.
           


Comportamento

 

Seu Papagaio grita?  Punição não resolve! 

Leia a matéria abaixo:

O maior problema dos donos de um papagaio é que eles acreditam que o ato de punir seu papagaio seja entendido por eles! Eles são punidos em conseqüência de seus atos "errados" como gritar ou bicar. Em um seminário uma pessoa afirmou que quando o papagaio dela gritava, ela o colocava no banheiro por uma hora e se ele tivesse bicado alguém, por duas horas ou mais! Será que o papagaio entende o número de horas? E o isolamento? Será que ele consegue entender? Será que ele tem algum relógio de pulso para calcular quanto errou por quantas horas será punido? É como colocar um bebê sozinho por uma hora, duas horas ou cinco horas, qual é o sentido disto? Ele não vai entender! 

Algumas pessoas chegam a extremos de dar um ''safanão" no papagaio após uma bicada! Ele só vai entender que você é um inimigo e vai passar a te temer ou odiar. Como na natureza, um inimigo natural é temido ou enfrentado! Estabelecer regras é o que realmente funciona!

Colocar um papagaio no isolamento não funciona! Ele só vai ficar quieto porque não vai ter estímulos visuais para se alegrar. Meu papagaio costumava gritar de repente e sem motivo aparente. Eu ficava intrigada, mas, um dia quando ele começou a gritar eu saí no quintal e ouvi que as crianças da minha vizinha estavam brincando e fazendo um barulho semelhante ao de papagaios na floresta! Meninas com voz fina gritando e chamando umas às outras, seu instinto é o de responder! Ainda mais no final do ano durante a época de procriação! É um instinto natural e para evitar é só colocá-lo longe do barulho das crianças. Este é apenas um caso, mas existem outros casos como famílias onde pessoas falam alto, chamam umas às outras gritando, ou situações estressantes como algum gato próximo da gaiola, ou algum gavião que ele possa estar vendo. 

É surpreendente, mas, muitas pessoas nem imaginam que existem gaviões em São Paulo, algumas espécies como Carcará, Gavião Pombo e outros são freqüentemente vistos em São Paulo, mesmo que você nunca tenha visto nenhum! Eles estão lá e podem apavorar seus pássaros (qualquer espécie!). Para evitar o pânico, cubra a parte de cima da gaiola com um pano grosso para que ele não veja o céu. Não se esqueça que eles devem tomar sol com freqüência, mas, apenas um sol muito fraco, no começo da manhã, no final da tarde ou num dia bem nublado.

Então, o que resolve? Paciência! Tudo é uma questão de causa e efeito. Ele só vai entender uma atitude quando acontecer muitas vezes, exemplo, ele grita você sai do ambiente, sempre! Aos poucos ele vai saber que gritando ele perde sua companhia e vai evitar gritar. Como no caso das recompensas, e ele fizer alguma gracinha ganha uma comida que ele adora. Isto é o que realmente resolve, causa e efeito! Se toda vez que ele gritar você aparecer para dar uma bronca, ele vai gritar sempre que quiser lhe ver! meu papagaio me chama de manhã todos os dias quando ele acha que já é hora de ser descoberto e ir para o seu lugar e começar a comer seu "café" da manhã. Se eu não for, ele começa a chamar cada vez mais alto até gritar bem alto. Eu tenho de correr assim que ele começa a chamar! Um hábito que não é bom, pois não sei como ele se comportará na minha ausência.

Como estabelecer dominância? Através de comandos de voz. Diga "não", "sobe", "vem", "desce", em um tom de voz firme e nunca gritando. Olhe diretamente em seus olhos durante uns 5 segundos. Isto não é punição, é dominância! Ele saberá que você é o líder e que você não pretende machucá-lo. Agredir ou gritar só vão piorar seu relacionamento com ele. Lembre-se que os papagaios se comunicam na floresta com seus parceiros através de potentes chamados, então se ele ama você, vai lhe chamar sempre que quiser sua companhia. Uma técnica boa é ensinar uma "musiquinha" ou um assovio sempre que você estiver deixando o ambiente que ele está, assim ele vai aprender a lhe chamar desta maneira. Mas a palavra chave para isso é: "PACIÊNCIA".

 

[ subir ]

[ voltar ]


BIRDMANIA 1999-2008 - birdmania@uol.com.br